Secretaria Especial da Cultura

Lei de Incentivo à Cultura

Tutorial

Tutorial 2 – Corpo da proposta

publicado: 15/03/2019 19h27,
última modificação: 21/03/2019 18h20

Para entender melhor como cadastrar o corpo de sua proposta cultural no Salic, assista ao nosso vídeo tutorial:

Neste tutorial, vamos explicar em detalhes o que sua proposta deve conter. 

Primeiramente, clique no botão RESPONSABILIDADE SOCIAL. No campo ACESSIBILIDADE, descreva as medidas que serão tomadas para que todos possam ter acesso a seu projeto. 

Explique, em relação ao espaço, por exemplo, se rampas e elevadores estão previstos e se os banheiros serão adaptados. Caso você ainda não tenha decidido onde o projeto será realizado, reserve no orçamento uma quantia para as adaptações necessárias. E quanto ao conteúdo? Que tal chamar um intérprete de libras? Não seria legal se o seu livro tivesse versão em braile? Se é só de fotografias, então procure saber sobre o formato Daisy. No caso de uma exposição, o proponente pode prever áudio descrição ou visita sensorial. Se nenhuma dessas opções for possível, descreva a medida que será adotada para que todos que quiserem prestigiar seu projeto consigam ter acesso. Caso a sua medida acarrete um custo não previsto, como a contratação de intérpretes, essa rubrica pode ser acrescentada ao orçamento. 

No campo DEMOCRATIZAÇÃO DE ACESSO, pense sobre a destinação do produto para o consumidor final. O produto vai chegar de forma gratuita a toda a população? Não? Então qual público receberá este produto gratuitamente? Lembre-se que você precisa respeitar os percentuais de gratuidade estabelecidos na Instrução Normativa em vigor. Antes de preencher este campo, confira se o seu projeto está adequado às exigências da norma.  

Lembre-se de salvar todas as informações! 

A seguir, clique em DETALHES TÉCNICOS. 

Em ETAPAS DE TRABALHO, descreva as fases do projeto com as ações correspondentes. Estime o período de duração de cada etapa em dias, semanas ou meses. Mas não coloque datas fixas, pois elas podem mudar conforme a execução. 

No campo FICHA TÉCNICA, apresente os profissionais que trabalharão no projeto, com o currículo resumido de cada um. Aqui, também deve ser descrita a função do proponente, mesmo que seja voluntária e não remunerada. 

Em SINOPSE DA OBRA, apresente um pequeno resumo daquilo que será transmitido. Caso a obra seja protegida por direitos autorais, não se esqueça de anexar uma carta de anuência do detentor dos direitos, autorizando a reprodução da obra em seu projeto. 

No campo ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DO PRODUTO, fale das características detalhadas deste produto, como a composição de um livro ou o projeto pedagógico de uma oficina. 

No campo DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE, apresente outras informações também relevantes, como a programação dos eventos ou das oficinas. 

Salve novamente! 

O próximo tutorial vai ensinar os proponentes a inserir informações sobre o Local de Realização e Plano de Distribuição. Até lá!